100%

Saldo em conta: CNM comemora ferramenta para consulta ao Fundo de Saúde

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) informa que o Fundo Nacional de Saúde (FNS) disponibilizou nesta quinta-feira, 29 de novembro, uma nova ferramenta disponível na página inicial do portal FNS. O instrumento permite a consulta de saldo de contas correntes de Fundos de Saúde.

Com a ferramenta, o gestor pode verificar a existência de contas correntes abertas pelo Fundo no Banco do Brasil e na Caixa Econômica Federal que receberam repasses efetuados na modalidade fundo a fundo ao longo dos últimos anos, bem como verificar o saldo existente ao final do último mês. As contas correntes com saldo zerado há mais de 6 meses não aparecem na consulta, segundo o Fundo.

A CNM destaca que é mais uma conquista municipalista a possibilidade de os gestores identificarem e acompanharem os saldos existentes nas contas bancárias da saúde. A medida era uma reivindicação dos gestores municipais e, em parceria com o FNS, uma primeira versão da divulgação dos saldos em conta foi divulgada durante a XXI Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios. Na oportunidade, a Confederação incluiu no Panorama da Saúde as informações dos saldos.

A partir dessa ferramenta, os gestores municipais poderão consultar os saldos bancários da saúde no portal do FNS. Em breve, as informações atualizadas também ficarão disponíveis no Panorama da Saúde, com acesso por meio do Conteúdo Exclusivo do Portal CNM.

Como acessar
O gestor deve acessar o menu “Repasses para o SUS”, disponível no topo da página inicial do portal e, em seguida, clicar no último botão à direita do menu: “Consulta Conta Corrente Fundo de Saúde”. Em seguida, deve selecionar os campos (*Estado) e (*Município). No caso de capitais, é necessário selecionar também o campo (*Esfera) para definir o fundo que deseja consultar (municipal ou estadual). Depois, basta clicar em Consultar.

Serão relacionadas todas as contas correntes que tenham saldos do fundo de saúde consultado, ordenadas em ordem decrescente pelo valor do saldo financeiro disponível em cada uma delas ao final do último mês. Para mudar a ordenação das contas, deve-se clicar nas setas ao lado dos campos da consulta.

A ferramenta integra o conjunto de ferramentas já disponíveis no menu Repasses para o SUS, constituído sete funcionalidades: Repasses do Dia; Consulta de Pagamentos Consolidada; Consulta de Pagamentos Detalhada; Consulta a Convênios, TED e Termos de Cooperação; Gráfico Comparativo por Ano; Consulta a Desconto MAC e Consulta a Contas Correntes de Fundos de Saúde. Veja mais aqui

Da Agência CNM, com informações do FNS


Fonte: Portal CNM - Confederação Nacional de Municípios
Protocolos desta Publicação:Criado em: 04/12/2018 - 09:04:08 por: Silvane Correia Biff Figueiro - Alterado em: 04/12/2018 - 09:04:08 por: Silvane Correia Biff Figueiro

Notícias

XXII Marcha: Prefeitos buscam inovação para Municípios em na Exposição
XXII Marcha: Prefeitos buscam inovação para Municípios em na Exposição

Credenciamento feito, o participante já entra direto na XI Exposição de Produtos, Serviços e Tecnologias. No espaço, encontra uma variedade de serviços e oportunidades para implementar no Município. O evento faz parte da XXII Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, que tem início nesta segunda-feira 8 de abril, e se estende até o dia 11. Um dos primeiros a realizar o credenciamento, o prefeito de Chuí (RS), Marco Antônio Vasques Rodrigues Barbosa, quis chegar cedo para...

Câmara dos Deputados recebe sugestões para anteprojetos sobre barragens
Câmara dos Deputados recebe sugestões para anteprojetos sobre barragens

Gestores municipais e a população podem contribuir com oito anteprojetos que estão em análise no Congresso Nacional referentes à segurança das barragens de rejeitos da mineração. As propostas são da comissão externa da Câmara dos Deputados que investiga a tragédia socioambiental em Brumadinho (MG), e os parlamentares esperam receber as sugestões e colocar os textos para votação até o final de abril. Entre os pontos abordados, os anteprojetos aperfeiçoam as normas para...

Turismo é responsável por 8% da economia, participação no PIB cresce
Turismo é responsável por 8% da economia, participação no PIB cresce

A participação do Turismo no Produto Interno Bruto (PIB) nacional cresceu, nos últimos anos, e o setor já é responsável por mais de 8% da economia, com a cerca de 7 milhões de trabalhadores empregados. Os números foram mostrados pelo estudo do Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC, na sigla em inglês), que evidência o discurso e o trabalho da Confederação Nacional de Municípios (CNM), no sentido de mostrar os benefícios do setor para a economia e para a geração de...

Confederação apresenta emendas ao projeto que cria a Gestão Compartilhada
Confederação apresenta emendas ao projeto que cria a Gestão Compartilhada

Proposta com o objetivo de facilitar o acompanhamento orçamentário, financeiro e físico da execução de obras, da prestação de serviços públicos e da aquisição de materiais e equipamentos pelo cidadão acaba de receber contribuição da Confederação Nacional de Municípios (CNM) a fim de garantir a execução por parte da administração municipal. Por meio de uma articulação com o líder do maior bloco partidário da Câmara dos Deputados, o deputado Elmar Nascimento (DEM-BA),...

Dia da Mulher: planejamento com enfoque em gênero torna espaços públicos mais seguros e inclusivos
Dia da Mulher: planejamento com enfoque em gênero torna espaços públicos mais seguros e inclusivos

Planejar as cidades e desenvolver espaços públicos sob uma perspectiva de gênero pode parecer complexo e até restritivo, mas alguns exemplos na América Latina e do Norte, incluindo o Brasil, têm mostrado como tornar os centros urbanos mais seguros e inclusivos para as mulheres. Segundo o Pacto Global de Prefeitos pelo Clima e Energia, as ações podem começar com a reavaliação da infraestrutura e de elementos como sinalização, visibilidade ou vigilância, que impactam diretamente...

Programas de erradicação da pobreza podem ser avaliados por índice multidimensional
Programas de erradicação da pobreza podem ser avaliados por índice multidimensional

Um critério técnico para avaliar o cumprimento pelo Brasil da erradicação da pobreza, um dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), pode ser criado se o Projeto de Lei (PL) 218/2019 for aprovado pelo Congresso e sancionado pela presidência da República. A proposição determina que os resultados dos projetos criados pelo governo, com essa finalidade, sejam medidos e monitorados por índice multidimensional da pobreza. O projeto será analisado em caráter conclusivo pelas...